Fábula imobiliária

Fomos morar num castelo de areia
Que prometeram nunca desabar
Mas uma viga, que a todos cerceia,
Foi condenada por só balançar.

Logo ordenaram a trocar a viga
Sem consultar o brilhante arquiteto:
“Ora, se ela não é nossa amiga
Então que caia; sou eu o correto!”

Se uma viga é parte da planta
Porque tirá-lá arbitrariamente?
“Ora, esta viga a ninguém encanta
Nós que mandamos; o resto que aguente!”

Ai, quem me dera isto fosse mentira
E o castelo fosse de concreto
E os donos não agissem por ira
E os inquilinos morassem mais certo.

Anúncios

Que tal?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s