Edição da manhã

https://pixabay.com/en/newspaper-paper-print-press-news-37782/

– Parem as máquinas! Ela voltou.
– Ela quem?
– Como assim, quem? Vamos, nova manchete: “Musa desconhecida reaparece! Quem será a próxima vítima?”.
– Mas…
– Sem “mas”, só escreva.
Quem me dera poder chamar sua atenção assim… pela primeira página de um jornal de grande circulação. Mas tudo que tenho é esta crônica, na qual tento ser coerente e conciso para, quem sabe, este texto chegar aos seus olhos (ou ouvidos).
“Após provocar várias quedas de queixo em série, a suspeita reapareceu numa esquina, causando enorme furor e congestionamento no trânsito”. Seguiria a notícia que eu contaria como editor-chefe.
E com isso esperar que você, diante da exposição, me fizesse seu alvo seguinte. E, se acusada, eu seria sua testemunha de defesa:
– Ela agiu em legítima defesa (dos meus interesses).

Anúncios

Que tal?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s